É confete pra cá, é serpentina pra lá, fantasias por toda parte: nesta época do ano, parece que, para onde quer que você olhe, o carnaval está presente. Para quem curte cair na folia, é o paraíso. Mas nem todos se interessam em passar o dia pulando nos bloquinhos ao som de marchinhas. Para quem opta pela calmaria, retiros podem ser uma boa solução. É o caso do acupunturista Filippe Ximenes Aguiar de Oliveira, 25 anos. “Nos últimos cinco anos, tenho passado o feriado de maneira mais tranquila. Quatro deles passei em retiros na Chapada dos Veadeiros, em Alto Paraíso (GO), e um em casa.”

A decisão, segundo ele, é motivada pela vontade de descansar em meio a dias intensos de trabalho. “Acredito que é uma questão de prioridade. Geralmente, prezo mais pelo descanso e cuidado com o corpo, porque trabalhar e estudar cansa bastante”, diz. “Imagino que posso usar esse tempo de pausa para me recuperar e me dedicar às coisas que acredito”, assegura.

banner-retiro-saman-santa-2020
Retiro no Feriado da Semana Santa

A busca pelo autoconhecimento fez com que o servidor público Valdemar Neto, 33, optasse por aproveitar o feriado sozinho, no retiro Alegria de Viver, em Alto Paraíso (GO). “Nunca fui muito chegado às tradicionais festividades do período, músicas, aglomerado de pessoas. Pra mim, pular carnaval é mais cansativo do que trabalhar”, conta. Assim, o evento vira uma oportunidade de descanso. “Vou aproveitar para descansar, me purificar, e não ficar pensando só em trabalho, que é bem estressante. É um momento para desligar totalmente a mente”, comenta.

Fundadora do Templo da Centelha Divina, responsável pelo retiro Alegria de Viver, Michelle Ximenes diz que o local fica em frente a uma área de preservação ambiental, com rios, montanhas e animais raros.” Quando começamos, tínhamos retiros a cada dois meses e, de um ano para cá, estamos realizando retiros todos os meses devido ao sucesso. As pessoas estão se curando, se transformando, sentindo mais paz interior”, pontua.

Michelle explica que cada retiro tem um tema diferente. Há retiros para mulheres (Cura Quântica do Feminino), para gestores e empreendedores, de purificação e limpeza do plano físico, emocional e mental, entre outros. “ Nosso público-alvo são pessoas de todos os gêneros, entre 18 e 60 anos, que procuram o desenvolvimento pessoal.”

Fonte: Ana Maria da Silva/Rayssa Brito/Correio Braziliense. https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/cidades/2020/02/06/interna_cidadesdf,826010/retiros-sao-opcao-para-quem-quer-curtir-o-carnaval-sem-festas.shtml

Retiros são opção para quem não quer cair na folia de carnaval

Deixe uma resposta

Próximo postRead more articles